Menu Fechar

Quando foi promulgada a Convencao sobre o direito das mulheres?

Quando foi promulgada a Convenção sobre o direito das mulheres?

Em 18 de dezembro de 1979, foi promulgada, no âmbito das Nações Unidas, a Convenção sobre a Eliminação de todas as Formas de Discriminação contra as Mulheres, frequentemente descrita como uma Carta Internacional dos Direitos das Mulheres.

Quais foram as conquistas de direitos e proteções das mulheres?

Foram muitas as conquistas de direitos e proteções que eram negados às mulheres – como a Lei Maria da Penha vigente no Brasil –, mas também se nota que ainda há muito a ser melhorado. Mesmo com as denúncias e protestos da população, muitos países continuam a negar os direitos das mulheres.

Como os direitos das mulheres passaram a ser reconhecidos no âmbito mundial?

Assim como no âmbito mundial, os direitos das mulheres passaram a ser reconhecidos no país apenas no período recente, após muitos anos de luta e submissão das mulheres à uma estrutura social de exclusão.

LEIA TAMBÉM:   Qual o seculo e 1900?

Quais são os direitos das mulheres?

O termo Direitos das mulheres refere-se aos direitos objetivos reivindicados para as mulheres em diversos países. Em alguns lugares, esses direitos são institucionalizados e garantidos pela legislação, pelos costumes e comportamentos, enquanto em outros locais eles são suprimidos ou ignorados.

Por que uma empresa deve observar os direitos trabalhistas da mulher grávida?

Uma empresa deve observar minuciosamente os diretos trabalhistas da mulher grávida, seja para garantir a saúde e os direitos da gestante, seja para estar de acordo com as normas legais sobre o tema. Ainda tem dúvidas sobre os direitos trabalhistas de uma funcionária gestante?

Quando foi promulgada a Convenção sobre a discriminação contra a mulher?

Promulgada por meio do Decreto no. 4 377, de 13 de setembro de 2002. Em 06 de outubro de 1999, foi adotado, em Nova York, o Protocolo Facultativo à Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação Contra a Mulher.

Quais são os direitos à vida?

Estes direitos são: Direito à vida; Direito à liberdade e segurança pessoal; Direito à igualdade e a estar livre de todas as formas de discriminação; Direito, à liberdade de pensamento; Direito à liberdade de pensamento; Direito à informação e a educação; Direito à privacidade; Direito à saúde e a proteção desta;

LEIA TAMBÉM:   O que comer contra acidez?